Superado pela Índia, Brasil é 10º maior produtor industrial do mundo


“Nem tudo são flores.”

Os efeitos do câmbio valorizado ficam claros nesse gráfico. Se existem controvérsias sobre  o processo de desindustrialização brasileira, estagnação no desenvolvimento industrial é incontestável. Estabilizamos a economia, ponto pra nós. Mas muitos o fizeram a um custo muito menor. É preciso refletir sobre os avanços e retrocessos, aspectos positivos e negativos dessa caminhada de uma década.

Precisamos pelos menos aprender alguma coisa. E o momento ideal para essa discussão, numa democracia, é agora.


Superado pela Índia, Brasil é 10º maior produtor industrial do mundo

Segundo levantamento da ONU, China superou o Japão em 2009 e já é o 2º maior produtor mundial, atrás apenas dos EUA

Jamil Chade, de O Estado de S. Paulo

Tópicos: onu; produção; indústria; brasil; china; índia

GENEBRA – O Brasil perde o posto de nono maior parque industrial do mundo. Dados divulgados pela ONU apontam que a Índia superou o Brasil em 2009 e o País caiu para a décima posição. No topo do ranking, a China supera pela primeira vez o Japão para se tornar o agora o segundo maior produtor de bens manufaturados do mundo.

A liderança é ainda dos Estados Unidos. Mas a economia americana está cada vez mais ameaçada nessa posição. No ano 2000, os americanos representam 26,6% da produção industrial do mundo, o ponto mais alto em 40 anos. Em outras palavras, a cada quatro produtos fabricados no planeta, um vinha dos Estados Unidos. Em 2000, o Japão era o segundo maior produtor. A China vinha apenas na quarta, com apenas 6,6¨da produção mundial.


A ONU não divulgou ainda os números absolutos da produção industrial no mundo em 2009 e o percentual é uma estimativa da participação de cada país. Mas, em 2007, o valor total da produção havia atingido US$ 6,7 trilhões. No ano seguinte, o valor chegou a US$ 6,81 trilhões. Em 2009, a produção industrial no mundo teria perdido 10% de suas atividades, segundo os dados da ONU.

“Mas a realidade é que o mapa mundial da produção industrial está em plena transformação”, afirmou Shyam Upadhyaya, diretor de estatísticas da Organização de Desenvolvimento Industrial da ONU. A participação americana começou a cair a partir de 2000 e essa tendência se acelerou diante da crise em 2009. Hoje, 18,9% da produção industrial mundial ocorre nos Estados Unidos.

Em dez anos, a China dobrou sua produção e já tem 15,6% da fabricação de manufaturas no planeta, contra 15,4% do Japão.

Alemanha, Reino Unido, França e Itália também estão em franca queda. Em 2000, os alemãos eram os terceiros maiores produtores, com 6,8% do mercado. Hoje, contam com 6,3%. Os ingleses cairam na quinta posição para a oitava posição.

Brasil

No caso da produção industrial brasileira, a ONU indica que no início da década o País representava 1,66% da manufatura mundial. Espanha, México e Canadá superavam o Brasil naquele momento e o País ocupava a 12ª posição. A partir de 2006, o País ganhou posições, chegando a ser o nono maior produtor de manufaturados e chegando a 1,89% da produção mundial.

Mas, em 2009, a crise atingiu de forma mais importante o Brasil que outros países emergentes. O resultado foi que a Índia conseguiu avançar de forma mais rápida e superou o Brasil no ranking. A Índia dobrou sua participação no mercado mundial em dez anos, subindo de 1,1% em 2000 para quase 2% no ano passado.

Em termos de regiões, a Ásia já se transformou na planta industrial do mundo, produzindo 44% de toda a fabricação do planeta. A Europa conta com 27%, contra 20,5% na América do Norte. A América Latina corresponde a apenas 6,1% da produção mundial, contra um insignificante 1,6% da África.

Os países emergentes hoje produzem 44% das manufaturas do planeta, contra 66% nos países ricos. Mas o Brasil vem perdendo espaço. O País representava 10% de toda a produção industrial das economias em desenvolvimento em 1995. Dez anos depois, caiu para 7,2%

3 comentários sobre “Superado pela Índia, Brasil é 10º maior produtor industrial do mundo

  1. Não dá pra comparar Brasil com Índia: Conseguimos com um 20% da população indiana o mesmo que eles.

    Infelizmente pros indianos, precisaram de 1 bi de pessoas, enquanto nós fazemos apenas com 200 mi. Ok?

    Passar bem. ^^”
    😉

    (um exemplo claro de como demografia influi em produção e indústria é só olhar a posição de Canadá, Austrália e Nova Zelândia nesse ranking. Países bem mais desenvolvidos que a gente, mas com bem menor participação. xD).
    E se eu fosse dos EUA, eu ia ficar preocupado… Uma queda tão brusca na produção é um dado alarmante: se mantida a tendência, vai tudo ir pro espaço. hauhauahuah
    Sorte nossa, com a crise, que mantivemos o patamar. Olhe e compare as outras principais Nações do Mundo. É MUITO falacioso discutir este tipo de disputinha idiota e besta (ai, somos os 10os colocados, ou os 11os) em período de crise internacional. É evidente que os dados vão estar bem “cambaleados”.
    Pois porque à exceção de China, França, Índia e Brasil, todo mundo ali tá num gráfico de tendência decrescente. (França tá dançando balé, pra variar.😉 hehehe)

  2. Ahh sim, e a Coréia.
    Mas naquele crescimento de 0,2 pontos percentuais, vejo, na verdade uma estagnação. ^^”

  3. Acho que é mais ou menos natural que países com menor renda média tenham desempenho melhor que os mais riscos, senão nunca seriam reduzidas as diferenças internacionais de renda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s